Andifes: “Não se pode confundir reitor com gerente de banco”

ENSINO SUPERIOR
Em audiência pública sobre indicação de reitores, entidades da área educacional pedem respeito à autonomia universitária

Entidades representativas da instituições de ensino superior (IES) públicas seguem protestando contra o método adotado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) para nomeação de reitores. Desde que assumiu, Bolsonaro (PSL) vem designando para a direção de unidades nomes que não figuravam em primeiro lugar na chamada lista tríplice, que é definida pelo voto na própria comunidade acadêmica. Entre as 12 nomeações feitas pelo pesselista para universidades federais até o início deste mês, seis não estavam no topo da lista.

A reportagem é do site Brasil de Fato. Clique no link abaixo, para ler a matéria na íntegra.

https://www.brasildefato.com.br/2019/10/09/andifes-nao-se-pode-confundir-reitor-com-gerente-de-banco/