Anapar reúne entidades para debater impactos da CGPAR 25

No seminário CGPAR 25 – O fim dos Fundos de Pensão Fechados, promovido no dia 22 de fevereiro, a Anapar reuniu mais de 60 representantes de entidades sindicais e associativas para debater os impactos das novas diretrizes do governo federal sobre a previdência complementar dos trabalhadores de estatais federais. Bancários, eletricitários e petroleiros analisaram as regras que, se implementadas, poderão acabar com os fundos de pensão. O evento foi realizado na sede do Sindicato dos Urbanitários no Distrito Federal.

Publicada em dezembro de 2018, a resolução 25 contém diretrizes elaboradas pela Comissão Interministerial de Governança Corporativa e de Administração de Participações (CGPAR), do ministério do Planejamento. Essas diretrizes reduzem direitos dos participantes de fundos de pensão, inclusive quanto à aposentadoria e valor de benefícios previdenciários.

“Algumas fundações já implementaram essas diretrizes em prejuízo dos participantes. O momento exige que estejamos unidos para conscientizar os trabalhadores sobre os riscos dessas novas regras e evitar que mais fundos de pensão sejam submetidos a esse retrocesso”, afirmou o presidente da Anapar, Antônio Bráulio de Carvalho.

Para ler o restante da matéria, clique no link abaixo.

https://www.anapar.com.br/anapar-reune-entidades-para-debater-impactos-da-cgpar-25/